Início arrow Marcação de Motor
Advertisement


Marcação de motor: como proceder. PDF Imprimir E-mail

Apesar de não ser algo muito comum, eventualmente poderá ser necessário gravar o motor do seu veículo antigo (quando ocorre a troca do bloco, por exemplo) ou registrar um novo motor adquirido junto ao Detran (quando compra-se um motor novo).

A operação dá um certo trabalho e leva tempo. Por isso prepararamos esse passo-a-passo, que vai ajudá-lo a minimizar os contratempos junto ao Detran. 

Antes de mais nada, o novo motor ou o bloco deverão ter sido adquiridos com nota fiscal, junto à concessionária autorizada ou em lojas de autopeças. 

  • Depois, você deverá pagar um DUDA referente à vistoria do veículo, especificamente para marcação do motor.
  • Faça cópias do documentos do veículo, identidade e CPF do proprietário, nota fiscal do motor ou bloco e o DUDA pago.
  • Com todos os documentos em mãos, dirija-se ao Protocolo Geral do Detran (Av. Pres. Vargas, 817 – Centro).
  • Pegue uma senha e aguarde ser chamado.
  • Apresente toda a documentação ao atendente, o qual lhe dará um Protocolo de Andamento de Processo e irá orientá-lo a aguardar o contato por parte do Detran. Isso porque, o posto Santa Luzia, onde você fará a vistoria, precisa estar com os dados no sistema.
  • Se preferir, ligue para o posto Santa Luzia (2332-6007) e cheque se o seu processo já foi enviado para lá.
  • Se já estiver liberado, dirija-se o posto Santa Luzia com o veículo. A vistoria é meio demorada, pois o atendente levanta o veículo, checa número da caixa de marcha e do chassi.
  • Após a vistoria, novamente você é solicitado a aguardar o contato do Detran. Mas não fique esperando, pois geralmente eles não ligam e o seu processo pode estar pronto e você não ser avisado.
  • Para saber sobre o seu processo, ligue para 3460-4040 / 4041 / 4042. Do interior, ligue 0800-204042
  • Se o seu processo estiver liberado, dirija-se ao sexto andar, no DRV (Departamento de Registro de Veículos). Lá eles vão lhe dar um documento de autorização para marcação do motor, que tem validade por 90 dias. Eles também fornecerão uma listagem com as concessionárias e oficinas autorizadas que fazem o serviço.
  • Por incrível que pareça, a maioria não faz mais este tipo de serviço e, dentre as que fazem, os preços podem variar de R$ 200,00 a R$ 600,00. Pesquise bem antes de fechar.
  • No Rio de Janeiro, as empresas que prestam esse serviço são:
    • Disnave – Av. dos Democráticos, 1.986 (saída Linha Amarela) – Tel.: 2209-1000
    • Fiorenza – Av. Brasil, 15.146 – Parada de Lucas – Tel.: 3448-8333 / 3448-8322
    • Guandu Veículos - Av. Cesário de Melo, 3.709 - Campo Grande - Tel.: 2132-2800 / 2132-2812
    • Simcauto – Estrada Adhemar Bebiano, 177 – Del Castilho – Tel.: 2582-0200
    • Transmotor – Rua General Bruce, 945 – São Cristóvão – Tel.: 2580-4934
  • Na concessionária, apresente o documento do Detran. Geralmente, o tempo do serviço varia de um lugar para o outro, mas é possível fazer em até 3 horas, se você der sorte.
  • O serviço é feito manualmente e a marcação não fica muito certinha.
  • Depois de gravado, o número é decalcado e colado em um folha.
  • Exija a nota fiscal na gravação, a qual deverá conter o número marcado e autorizado pelo Detran.
  • Feito isso, leve a nota fiscal e os adesivos no DRV (sexto andar). O processo será finalizado e arquivado.
 
Clube Associado à

Logo FBVA

 
     

Copyright 2008© Veteran Car Club do Brasil-RJ